21 de fev de 2011

A famigerada Taça das Bolinhas, que uma vez recebida pelo clube em definitivo, marca a vitória deste pela 5ª vez no campeonato nacional. Porém, Flamengo e São Paulo disputam à ferro e fogo pelo título de primeiro time pentacampeão brasileiro, ou seja, pelo recebimento da tal "Taça das Bolinhas".

O Flamengo promove a discórdia porque exige o reconhecimento do seu título de 87. O São Paulo argumenta baseado de que a decisão da justiça normal é superior à qualquer uma que venha da CBF. E o torcedor fica pedindo uma cerveja a mais pro garçom pra continuar discutindo isso de bar em bar sem ninguem chegar a conclusão nenhuma.

Falando em conclusão, parabenizo à Caixa Econômica que se cansou desse "Bolinha minha, bolinha tua" e resolveu dar as bolinhas pro São Paulo.

Agora, quem merece os verdadeiros parabéns é a Patricia Amorim que deixou bem claro o fato de que "prêmio de bolinha" é meramente simbólico finalizando perfeitamente sua entrevista dizendo que o torcedor não precisa se preocupar que ela continuará atrás das bolas, em voga, com toda a força possível.

Parece que esse assunto ainda vai encher o saco de muita gente, menos os sacos do Flamengo ou do São Paulo, que continuam ainda em busca das suas tão disputadas "Bolinhas". Só resta esperar agora quem é que vai ter culhão para levar essa taça!

Nenhum comentário:

Postar um comentário